A riqueza da simplicidade

Dorival era um amante da simplicidade. Não gostava de luxo. Gostava era de ver a graça das coisas. De encontrar, nas idas e vindas do cotidiano, a chance de uma boa risada.

No coração dos que o conheceram e aprenderam com o seu exemplo, ele vai estar sempre. E no peito de sua filha Aline, ele agora segue também do lado de fora.

Dorival, que não gostava de luxo, deixou a riqueza infinita de uma vida que merece ser, pra sempre, lembrada…

2 comentários em “A riqueza da simplicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s